Parece que a Bimby faz tudo não é? Então também pode ter feito o meu blog, juntei umas ideias doidas, recordações, amigos e ficou assim...

20
Fev 09

  

Eu que acreditei piedosamente em ti quando disseste a plenos pulmões: "'Tá cá a Amália, 'tá cá o Benjamim e o Milionário... Olha quatro dvd's a 5€!"

 

Fiquei orgulhosa quando explicaste a uma cliente do que se tratava o Blindness: "Oh 'nha senhóra, esse é muita bom, é d'um livro q'o Zé Saramago escreveu."

 

Comovi-me ao ver que és sincero com as pessoas: "Por ser para o amigo faço quatro dvd's a 5€... Vá, vá levem-nos todos que a bófia vem aí estragar o negócio."

 

Atribuí-te mérito por te esforçares a criar técnicas de venda e de fidelização de clientes:
"- Olhe venho cá com este dvd porque está vazio.

O 'migo Lello abre a caixa - Não, tá nada oh chefe, o cd 'tá aqui dentro da caixa.

- Não é isso, o filme, não dá, o cd não tem nada.
- Ah tava estragado? Meta aí no monte que alguém leva. Agente troca, agente gosta de ver os fregueses felizes pra virem cá ótra vez."

 

Fiquei emocionada com a tua bondade e solidariedade: "Aproveitem e vejem aqui estas calças de ganga e ali na tenda da 'nha prima os parfumes João Paulo Gautiér, Hugo Bossas e Carolina Herreira. As malas Luís Vitão e Chanélo."

 

Eu que te tinha em tão boa conta e aos teus primos Gipsy Kings, e tu fazes-me uma coisa destas?!

Como foste capaz de me vender o Benjamin Button com umas legendas tão rascas que numa escala de 0-10 eu tinha de classificar com - 3. O Benjamin falava sempre no feminino - "Eu estou tão cansada". Ainda ponderei que o David Fincher lhe tivesse dado um toque abichanado para aumentar o drama, mas não, depois percebi que não... Desiludiste-me.

 

Adeus, até à próxima feira.

publicado por alentejana* às 14:54
sinto-me: ultrajada

18
Fev 09

"Não havia necessidade eze eze" d' isto  ou mesmo d' isto 

 

Hoje também está um belo dia.

Está calor, mas está fresco.

E de manhã abri os olhos e acordei. What?!

 

Deve ser por estas e por outras que não me esforço para escrever todos os dias no blog...

publicado por alentejana* às 11:10
sinto-me: a achar pérolas

05
Fev 09

Escrevam o que quiserem e a personagem que escolherem diz na perfeição, em várias línguas e diferentes sotaques.

 

Aconselho anedotas (por exemplo, estas) ou frases feitas... do melhor.

 

Testem aqui.

publicado por alentejana* às 17:16
sinto-me:

03
Fev 09

Do Pára, Escuta e Olha veio mais uma desafio, acho que estou a ser vítima de um complot.

 

Gula - Comer a toda a hora e/ou além do necessário;
Avareza - Cobiça de bens materiais e/ou dinheiro;
Inveja - Desejar atributos, status, posses e/ou habilidades de outra pessoa;
Ira - É a função dos sentimentos de raiva, rancor e ódio. Por vezes é incontrolável;
Soberba - Falta de humildade, alguém que se acha auto-suficiente;
Preguiça - Aversão a qualquer trabalho ou esforço físico.

Luxúria - Apego aos prazeres carnais;

 

As regras do desafio são:
- Revelar a nossa relação com os pecados capitais;
- Nomear 8 blogues para responder ao desafio. - 'Tá toda a gente convidada. Façam favor. 


Gula - Dizem as más línguas que em pequena comia oito iogurtes seguidos e só parava de almoçar quando estava mal disposta. Não devia ser bem assim, alguém anda a exagerar, oito iogurtes é muito, ainda se fossem sete.
 
Avareza - É neste que falamos do euromilhões? Quero que me saia sempre, mas esqueço-me é de jogar. Assim de repente não conheço ninguém que não seja avarento. É normal cobiçar uma bela casa, um bom carro, uma viagem..., não?

 

Inveja - "A inveja está sempre em jejum" ahah, por isso eu cá não sou invejosa de certeza.

 

Ira - Ainda ontem tava irada com os vizinhos. Quem é que anda a fazer corridas ou a jogar futebol dentro de casa às tantas?! Fico irada com faltas de respeito, mas para explodir é preciso estar mesmo, mesmo furibunda, o que é raro.

 

Soberba - Mas quem é que fez estas definições?! Agora por uma pessoa ser autosuficiente, não é humilde? Então pronto, eu sustento-me, consigo sair de casa sem precisar de companhia, mas preciso do senhor motorista do metro, para o metro andar, da família e dos amigos para ser completa, quase completa, senão ainda aparece aí uma característica negativa qualquer, 'tá melhor?

 

Preguiça - Q.b., gosto de não fazer nada, mas também me farto depressa.

 

Luxúria - Que é apego aos prazeres carnais. Ah sim, como eu gosto de um bife de novilho mal passado nham nham.

 

Nota de esclarecimento: Não sou obesa, mas já me disseram que tenho tudo para o ser. E também não me parece que seja muito pecadora, valha-me isso.

publicado por alentejana* às 12:48
sinto-me: desafiada

Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
19
21

22
23
24
25
26
27
28


mais sobre mim
pesquisar