Parece que a Bimby faz tudo não é? Então também pode ter feito o meu blog, juntei umas ideias doidas, recordações, amigos e ficou assim...

28
Abr 09

– Tenho tantos problemas – disse o paciente para o psiquiatra. – Nem sei por onde começar.
– Recomendo que comece pelo princípio – sugeriu o psiquiatra.
– Está bem – disse o paciente. – No princípio, criei a Terra.

 

Esta é dedicada ao criador que há em cada um de nós lol

publicado por alentejana* às 18:12
sinto-me: animada

27
Abr 09

Eu cá nunca fico indiferente a mails em corrente... pelo menos com preciosidades destas:

 

Blá, blá, blá e se não mandares este mail vais ser atingida por um meteorito blá, blá, blá e uma rapariga ignorou  e...

"Mais tarde quando ia a conduzir o carro para ir para casa, foi atropelada por um condutor bêbado."

 

Interessante... ia dentro do carro. É azar mesmo, ir sentadinho no banco do carro e ser atropelado (Como é que isto não passou na TVI? Por favor Sr. Moniz não me processe, é só uma brincadeira inocente lol).

 

Claro que assim não posso levar a sério os mails em corrente!

publicado por alentejana* às 17:51
sinto-me: em corrente

16
Abr 09

Depois do divórcio litigioso com o Fujitsu, a vida endireita-se finalmente e agora posso olhar para a frente e encontrar um futuro melhor com o Dell(io).

 

Para sempre ficarão as nossas palavras, abençoadas pelo meu cartão multibanco...

 

- Vós que seguis o caminho do Matrimónio, estais decididos a amar-vos e a respeitar-vos, ao longo de toda a vossa vida?

- Estamos, sim.

...

 

Eu, recebo-te por meu companheiro
a ti Déllio Computador Novo, e prometo ser-te fiel,
amar-te e respeitar-te,
na alegria e na tristeza,
na saúde e na doença,
todos os dias da tua vida (não da nossa, porque espero durar mais que tu).

...

 

Déllio, recebe esta internet portátil
como sinal do meu amor e da minha fidelidade.
...

 

Enter.

 

Há dias felizes...

 

publicado por alentejana* às 10:30
sinto-me: feliz feliz feliz

07
Abr 09

Aqui estão umas sugestões para as próximas prendas de aniversário e prendas "porque sim".

 

Para mim, em vez do ovo da Páscoa que se aproxima, pode ser o Urso Guilhotino (nome que carinhosamente lhe dei).

 

 

 

 

fanei de um mail que me mandaram

publicado por alentejana* às 09:15
sinto-me: distribuidora de felicidade

02
Abr 09

 

Isto de almoçar sempre em restaurantes já teve melhores dias. Cuidado com o pessoal da restauração, eles não brincam em serviço e com a desculpa da crise temos de comer o que mandam!

 

»»»» 

Começando pelo estabelecimento / tasco do Sr. Zé e do Amigo (ninguém me tira a ideia que são mais que amigos, aquele tom de "Até amanhã, filha!" não engana ninguém). Ainda estou a ponderar, mas não devo lá voltar. Da última vez tive de comer lulas cruas, isso é demais, até para mim. Sei que o carvão e electricidade estão caros e que o sushi está na moda, mas se me tivesse avisado comia antes o hamburguer oleoso que faz questão de ter sempre na ementa.

 

»»»»

Passando a outra "tabanca". Perguntei à Sra. do Carrapito / Trança se os filetes eram panados e ela disse-me que não, que eram fritos com ovo e farinha. Ahh, então pode ser! Sabe é que eu sou, sei lá, alérgica a panados, mas assim mande vir que já como descansada. Ufa.

 

A colega da Trancinhas, a Belinha, uma vez intimidou-me por não me apetecer beber o café (que não pedi) e que ela trouxe por engano... tive medo e bebi.

 

Demorámos a pedir as bebidas e a Belinha trouxe "Brisa maracujá", se bem me lembro é qualquer coisa como um sumol de maracujá de marca madeirense. Não se vende muito no continente, mas na Madeira é Brisa Cola, Brisa Limonada (que é 7 Up), Brisa Água Tónica, entre outras.

 

»»»»

A que tem o ananás em tão boa conta, ainda hoje tem pesadelos com a seguinte situação de outro restaurante:

- Tem ananás?

- Oh menina tenho, mas é só o cotinho.

É caso para dizermos - Então é só a co(n)tinha.

 

»»»»

Se gostam de restaurantes com empregados super-super simpáticos (ou chatos, como preferirem), conheço o ideal. Os empregados falam todos desta forma:

- Se faz favor, com licença, o seu bife, obrigado, desculpe.

- Com licença, faz favor, a sua água, obrigadinho, muito obrigado mesmo.

- Perdão, peço desculpa por não ter vazado a água, um servo para si minha senhora, com licença, obrigada, muita sorte na vidinha e desejo-lhe um filhinho louro de olhos azuis.

 

Depois ele disse que era tacanho e nós também não desmentimos. Já não vamos lá mais, desculpem, com licença.

 

»»»»

Não me estou a lembrar de mais nenhuma "situação especial da restauração", chamemos-lhe assim, mas sempre que haja uma fresquinha eu partilho.

 

publicado por alentejana* às 14:34
sinto-me: ASAE

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
29
30


mais sobre mim
pesquisar